Biologia e química no lago Cuidados com o lago

Larvas vermelhas no lago como um bioindicador da qualidade da água

8 Comentários

Quando viajamos pelo Brasil ou pelo mundo passamos por diversos ecossistemas e, às vezes, nem imaginamos quantas interações podem existir entre os seres vivos e o meio ambiente que ali vivem. Estas interações ocorrem em ecossistemas que podem ser divididos em dois principais: os terrestres (matas, cerrado, tundra, deserto etc) e os aquáticos. Os ecossistemas aquáticos podem ser divididos em salinos (água salgada) como as praias e oceanos, de água salobra como os manguezais, e os dulcícolas (água doce) como os rios, represas, lagos e lagoas.

Desta forma, quando possuímos um lago em nossa residência podemos afirmar que ali também é um ecossistema e que há diversos organismos que interagem entre si e com o meio ambiente.

As interações, num ecossistema, podem acontecer entre os seres bióticos, aqueles que possuem vida (animais, plantas e microorganismos) e entre estes com os seres abióticos, aqueles que não possuem vida (oxigênio, pH, temperatura, salinidade, luminosidade, umidade, etc). Quando estes fatores abióticos não estão dentro de uma faixa adequada, os seres vivos de um ecossistema, no nosso caso um lago, podem ter sua saúde comprometida. No entanto, há alguns seres vivos que podem nos dar indícios de como está o andamento do nosso lago.

As larvas vermelhas no lago

Neste artigo vamos detalhar a vida de um destes seres que é uma larvinha de cor avermelhada e que normalmente aparece nos lagos residenciais, principalmente dentro dos filtros. Você já viu um destes em seu lago? Caso sim, comente conosco.

Conhecidas como bloodworms

Estas são larvas de um inseto da Ordem Diptera e pertence à maior família de insetos aquáticos, a Chironomidae. Seu gênero é o Chironomus e sua principal característica é a sua coloração vermelha devido a presença do pigmento de hemoglobina, uma proteína com íons de ferro na sua constituição e que originou o seu nome popular, em inglês, de bloodworm. Este pigmento é responsável por transportar oxigênio (O2), e parte do gás carbônico também. Quando estas larvas estão em ambientes pobres com déficit de O2 sua coloração torna-se mais intensa ainda. Geralmente estas larvas mexem-se continuamente e rapidamente o que auxilia na absorção de O2 dissolvido da água por difusão para seu corpo.

Larvas vermelhas no lago ornamental

Estudos demonstram que as bloodworms são extremamente resistentes e, portanto, ótimos bioindicadores da qualidade da água dos ambientes. Elas são geralmente encontradas em ambientes lóticos (de água corrente como rios, riachos e ribeirões) urbanos com constantes descargas de esgoto. Também, estas larvas são encontradas em lagoas de pisciculturas e lagos em estado de eutrofização quando há grande acúmulo de nutrientes disponíveis, principalmente fosfato e nitrogênio.

Em ambas as situações, descargas de esgoto e eutrofização, ocorre proliferação de microorganismos, como bactérias e algas, que diminuem a quantidade de oxigênio dissolvido na água ocasionando hipóxia ambiental. As larvas bloodworms são capazes de resistir por horas em ambientes totalmente anóxicos, isto é, com completa abstenção de oxigênio. Desta forma, a sua presença indica que um lago pode estar “doente” com pouco oxigênio e/ou muita matéria orgânica disponível.

As larvas vermelhas no lago ornamental podem aparecer nos filtros e isso não é algo preocupante

Apesar de sua presença poder indicar má qualidade da água ou excesso de matéria orgânica, estes organismos não causam problemas aos peixes.

Quando encontradas dento dos filtros dos lagos ornamentais, não devemos nos preocupar. Elas normalmente aparecem nas espumas ou escovas de filtragem, onde a concentração de matéria orgânica é muito alta e o ambiente fica ideal para o seu desenvolvimento.

As larvas vermelhas no lago servem de alimento para os peixes

Na verdade, as bloodworms são até utilizadas como alimentos vivos de muitos peixes. Devido as carpas serem onívoras, isto é, possuírem uma ampla variedade de alimentos que vão desde pequenos animais até frutas, restos de plantas e ovos, também podem alimentar-se de larvas de bloodworms.

E ainda podem ser úteis para o lago

As larvas vermelhas no lago também são muito úteis para absorção de nutrientes que são tóxicos aos peixes em alta concentração, como nitritos, e metais pesados como chumbo, cádmio, cromo, manganês e zinco.

Embora as larvas bloodworms sejam inofensivas aos peixes, é necessário investigar a causa da presença delas: falta de oxigênio e/ou eutrofização da água. A grande maioria das vezes só precisamos limpar os filtros de nosso lago para diminuir o acumulo da matéria orgânica.

Bibliografia

Abílio, F.J.P.; Fonseca-Gessner, A.A.; Watanabe, T.; Leite, R.L. (2005) Fauna de Chironomidae e outros insetos aquáticos de açudes do semi-árido paraibano, Brasil. Entomol. Vect., 12 (2):255-264.
Callisto, M.; Moretti, M.; Goulart, M.D.C. (2001) Macroinvertebrados bentônicos como ferramenta para avaliar a saúde de riachos. RBRH – Revista Brasileira de Recursos Hídricos, 6(1):71-82.
Dornfeld, C.B. (2002) Utilização de análises limnológicas, bioensaios de toxicidade e macroinvertebrados bentônicos para o diagnóstico ambiental do reservatório de Salto Grande (Americana, SP). Dissertação de Mestrado, Universidade de São Paulo, Escola de Engenharia Ambiental, p. 280.
Machado, N.G.; Nassarden, D.C.S.; Santos, F.; Boaventura, I.C.G. et al. (2015) Chironomus larvae (Chironomidae: Diptera) as water quality indicators along na environmental gradiente in a neotropical urban stream. Rev. Ambient. Água [online], 10 (2):298-309.

8 comentários

  1. Boa tarde, achei agora no aquario da minha tartaruga uma larva vermelhinha de aproximadamente 1cm. Achei que ela poderia estar com parasitas e foi procurando o que poderia ser que encontrei essa publicação. Sabe me dizer se pode ser as larvas bloodworms? Pois li que parasitas de tartarugas são brancos.
    Desde já obrigada!
    Att, Lucieli Horn

  2. Obrigada Thiago pela informação. Estava preocupada pois apareceu uma quantidade grande destas larvas vetmelhas no meu lago ornamental. Valeu.

  3. Eu tenho um lago pequeno, o interessante, que quando usei essa larva vermelha com esterco de galinha e a água , para fazer um para fazer um substrato pra plantas, observei, uma reação das larvas que só vi em um cardume de sardinhas ao ser atacado, um formato arredondado.

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados *