Construção do lago Filtragem do lago

Montar um lago ornamental: Regras básicas antes de começar.

5 Comentários

Muitos se enganam ao pensar que para montar um lago ornamental equilibrado basta adquirir o melhor equipamento do mercado, ou pensam que montar um lago ornamental é como fazer um bolo, onde o fermento e a farinha são apenas elementos em que juntos forma o bolo sendo que não sabem o porquê de colocar a farinha junto do fermento.

Para montar um lago ornamental devem ser feitos alguns estudos. Estudos estes em que envolvem características físicas e fisiológicas dos indivíduos em que serão introduzidos no lago ornamental. Também propriedade dos materiais a serem utilizados, para assim garantir o equilíbrio do ambiente a ser criado e bem-estar dos indivíduos que irão viver nesse lago ornamental.

Segue alguns tópicos que devem ser observado para montar um lago ornamental:

Conhecimento básico sobre as espécies de peixes para um lago ornamental

Quando falamos em conhecimento básico da espécie em que vai ser introduzida em um lago ornamental, podemos resumir em saber como é o ambiente ala é encontrado na natureza, água parada, com pouca movimentação, local com muita evaporação, local de inverno rigoroso, chuvas em abundância, características alimentares, tamanho médio, tempo em que ele pode viver dentre muitas outras características.

Conhecimento básico sobre parâmetros de água

Em se tratando de conhecimento básico sobre parâmetros de água, é importante ao menos saber sobre a existência do potencial de hidrogênio, mais conhecido como pH, técnicas e forma de como se medir e corrigir, existência da amônia na água, saber como ela se forma, como se detecta e como elimina ou diminui pois o excesso deste pode ser letal aos peixes. Outro fator ignorado ou desconhecido, não menos importante, seria a dureza da água, o que afeta diretamente o equilíbrio osmótico dos peixes afetando diretamente seu sistema fisiológico. É muito importante lembrar que uma fonte natural de água nem sempre é segura para lagos ornamentais, nela pode conter excesso de minerais, carregar resíduos de agrotóxico proveniente de uma lavoura perto da região, ou contaminadas por fossas sanitárias e outras.

Equipamentos para lagos ornamentais são projetados e produzidos com muito estudo e anos de experiência. O fabricante desenha os equipamentos para ter maior durabilidade, resistência, praticidade para manutenção, facilidade na instalação e eficiência. Dentre os equipamentos para lagos ornamentais existem alguns que são os mais importantes e devem ser utilizados.

Bombas para lago

As bombas para lagos tem com objetivo de “varrer” a sujeira visível para um ponto de captação e simultaneamente oxigenar a água através de cascatas ou somente pela movimentação da superfície da água. São equipamentos que devem ser silenciosos, não devem vibrar e devem funcionar 24h por dia sem interrupções. Considere sempre ter pelo menos duas bombas de água em seu lago, pois caso uma apresente defeito, a outra continuará oxigenando a água do lago. 

Filtros para lago mecânicos e biológicos

O filtro mecânico é encarregado de armazenar detritos proveniente de excreta dos indivíduos que vivem no lago. Restos de ração, e sujeiras como folhas de árvores trazidas para o lago por ação de ventos e chuvas. Este funciona como uma peneira fina que retém as partículas maiores, e sujeiras trazidas junto com a água para o interior dele com circulação através da bomba para lago.

O filtro biológico tem a função de promover o crescimento de colônias de bactérias encarregadas do ciclo do nitrogênio. Dentro de um filtro biológico é muito comum encontrar materiais de superfície porosa, e com formato cilíndrico. O formato cilíndrico é uma forma de aumentar a área superficial do material de forma compacta, possibilitando armazenar quantidade suficiente deste material em espaços pequenos. Os poros deste material podem agrupar bactérias anaeróbicas, essenciais para o equilíbrio biológico de um lago.

Em lagos ornamentais é muito comum uma superpopulação de peixes, isso ao comparar com populações de peixes em lagos naturais, fazendo-se essencial a utilização de filtros com ação mecânica e biológica.

Filtros UVs para lagos

Hoje no mercado voltado à criação de peixes, tanto para corte quanto para ornamento, são utilizados recursos de desinfecção na qual antes eram aplicados apenas em laboratórios ou tratamentos industriais. Atualmente temos aparelhos de alta tecnologia com ação de raios ultravioleta (UV-C), atuando no combate de fungos, bactérias, vírus, e também eliminando com muita facilidade as algas unicelulares que deixam a água do lago verde. Procure equipamentos de marcar renomadas já que um filtro UV caseiro ou de marcas menos conhecidas podem ser muito perigoso para a saúde das pessoas caso ocorra um vazamento da luz UV-C. Certifique-se também, que o Filtro UV tenha cristal de quartzo de alta pureza, isso irá aumentar a eficiência e a segurança do equipamento. 

Gerador de Ozônio para lagos

Produto antigo no mercado, no entanto recentemente utilizado como agente oxidante para lagos ornamentais e aquários. Um produto inovador que diferente do filtro UV atua como oxidante de matéria orgânica e inorgânica, o uso correto dos geradores de ozônio resulta em uma fantástica diferença em lagos ornamentais, com água muito mais cristalina e sem nenhum cheiro. Utilizando se associado à um bom filtro UV, pode se obter hidroxila, um agente oxidante ainda mais poderoso que o próprio ozônio.

Potencial de oxidação importante no conhecimento para montar um lago ornamental
Tabela com o potencial de oxidação.

Bom senso para montar um lago ornamental

Melhor que ser um biólogo, um veterinário, ou um profissional na área da limnologia, é ter o máximo de bom senso. Afinal para ter um lago ornamental ou um aquário em sua casa não é preciso um curso de graduação. O bom senso em pesquisar, tentar entrar em contato com pessoas especializadas para obter informações sobre equipamentos e parâmetros de água, ambiente de espécie, espécie ideal, já é um grande inicio para montar um lago ornamental de qualidade. Não saia comprando equipamentos cujas únicas especificações estão em volume, vazão, potência, pensando que com isso é possível manter um lago ou aquário equilibrado.

5 comentários

  1. Quero construir um lago de 300 m2 com a média de profundidade de 1 metrô totalizando 300m3 de aguá sendo que no centro do lago quero 3 a 4 metros de profundidade e nas bordas raso e até uma praia artificial pra a gente interagir com os peixes. Dá pra fazer?

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados *