Fisiologia dos peixes

Temperatura da água no lago e sua influência nos peixes

4 Comentários

Hoje vou falar mais sobre um assunto que já citei anteriormente: a temperatura da água no lago. Esse é um assunto muito importante para a saúde, sobrevivência, bem-estar dos peixes e também para qualidade da água. A temperatura da água no lago é um dos fatores mais importante pois ela tem influência em tudo o que acontece na água e com os peixes. A temperatura da água altera os processos fisiológicos dos peixes como por exemplo: crescimento, reprodução e metabolismo.

A temperatura da água no lago é o que regula a temperatura do peixe

Os peixes são animais vertebrados ectodérmicos ou pecilotérmicos que são animais que a temperatura varia de acordo com a temperatura do ambiente em que vivem, no caso a água. Quando a água está fria a temperatura corporal dos peixes diminui e sobe quando a temperatura da água aumenta. A temperatura ideal depende de espécie para espécie, cada uma tem uma temperatura de conforto diferente. Algumas espécies são mais resistentes a mudanças de temperatura que outras.

Estudos mostram que a maioria dos peixes tem o conforto térmico e melhor crescimento em temperaturas entre 28 a 32 ºC. Sempre antes de montar um lago artificial, devemos decidir qual a espécie ideal para o tipo de lago.

Tilápias e Carpas

No caso das Tilápias, por exemplo, a temperatura ideal fica entre 25 e 28 ºC. Alguns estudos dizem que é onde a produção é melhor. As Carpas são mais tolerantes suportam temperaturas mais baixas apresentando conforto térmico com temperaturas entre 18 a 26 ºC apesar de suportarem temperaturas muito mais baixas, chegando a hibernar em temperaturas abaixo de zero. Quando vamos construir um lago ornamental para carpas, o ideal é sempre conhecer o clima local para decidir qual a profundidade o lago deve ter. A profundidade irá influenciar diretamente o conforto térmico do peixe.

Peixes tropicais

Já os peixes redondos, que são peixes de clima tropical, como por exemplo Pacu e Tambaqui gostam de temperaturas entre 27 e 30º C. Alguns estudos também mostraram que o consumo de alimento diminui bastante quando a temperatura diminui, entre 20 e 22 º C. Além disso abaixo dessa temperatura ainda ocorre o aumento no aparecimento de doenças como bactérias, parasitas e fungos. Esses peixes não suportam temperaturas abaixo de 14 ºC.

A temperatura e a imunidade dos peixes

A temperatura quando está fora da zona de conforto influencia negativamente na imunidade dos peixes. Quando há mudanças muito bruscas de temperatura, os peixes ficam estressados e com isso comem menos ou até mesmo param de se alimentar. A baixa ingestão de alimentos prejudica o metabolismo dos peixes consequentemente afetando o crescimento e o sistema imunológico, deixando-os mais susceptíveis a doença.

Como não conseguimos controlar a temperatura da água pois é um fator ambiental, o que podemos fazer é deixar os peixinhos preparados para esses períodos de mudança de temperatura, principalmente no inverno. E como fazemos isso? Para isso podemos utilizar vitaminas e imunoestimulantes misturados na ração, fornecendo alguns meses antes e durante esses períodos mais críticos.

Referencias:

Kubitza, Fernando. Qualidade da água na produção de peixes – Parte I. Panorama da aquicultura. Vol 8 n 45, janeiro/fevereiro 1998.
Kubitza, Fernando. Coletania de informações aplicadas ao cultivo do Tambaqui, do Pacu e outros peixes redondos.
Moreira, Renata; Ribeiro, Cristiéle. Fatores ambientais e Reprodução dos peixes. Revista da Biologia. Vol 8. 56-61 (2012).

 

4 comentários

  1. Boa tarde, Sou de Portugal e tenho um lago exterior com peixes cometa e shubunkin. No inverno costumam hibernar devido à temperatura muito baixa. Tenho dúvida se durante a hibernação devo ter a bomba de limpeza e movimentação da água ligada ou se devo desligar. Pode ajudar? Obrigada

    1. Olá Cátia, tudo bem? O ideal é que as bombas fiquem funcionando para oxigenar a água e circular. Estamos estudando a possibilidade de levar a marca Cubos para Portugal, será um prazer lhe atender ai.

  2. gostaria de saber se ficar sugando as pedras pouco tempo depois do peixe ser alimentado e um comportamento normal para os peixes carpas obrigada camila.

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados *